BUSCA
FALE CONOSCO
Apimec NacionalApimec Distrito FederalApimec Minas GeraisApimec NordesteApimec Rio de JaneiroApimec São PauloApimec Sul

 
Suzano confirma mais investimentos no Piauí
 
« Voltar | Imprimir | Enviar para um amigo |  RSS | Versão em PDF

Em audiência convocada pela Assembleia Legislativa, o gerente executivo de relações governamentais da Suzano Papel e Celulose, Jorge Cajazeira, explicou que os investimentos da empresa no Piauí continuam e que mais investimentos serão feitos até a inauguração da fábrica na cidade de Palmeirais. A única mudança ocorrida foi no cronograma de instalação da fábrica.

"Para a instalação da fábrica é necessário uma base florestal, o que já está sendo feito aqui no Estado. A empresa já tem investido no Piauí através de plantio e de compras de terra. O viveiro de mudas, que já está em funcionamento, é um dos mais modernos do mundo e teve um custo de 23 milhões de dólares", explicou Cajazeira.

A empresa produz dois milhões de toneladas de celulose por ano, dos quaisl 2/3 são para exportação. "A nossa produção é praticamente para exportação e o mercado externo apresenta uma crise e a única mudança feita até agora no cronograma é definição das parcerias para a compra de equipamentos. Em 2014 teremos os contratos fechado e a partir daí uma data definitiva para a instalação da fábrica", declarou. Jorge falou ainda que a previsão da empresa para 2016 é produzir 6,2 mm t/ano de celulose, e que para atingir essa meta é necessário a instalação da fábrica no Estado.

O gerente explicou ainda que não há nenhuma possibilidade das árvores já plantadas no Piauí serem transportadas para a fábrica instalada no Maranhão. Segundo ele, é inviável o transporte de eucalipto por mais de 150 km, devido o alto custo que isso requer. No ano de 2011 a empresa investiu mais de R$ 1,5 milhões em programas sociais, que contemplam a área da educação, meio ambiente e de geração de renda.

O coordenador de Projetos Estratégicos do Governo do Estado, Jorge Lopes, explicou que o acompanhamento da instalação da fábrica no Estado é feita periodicamente, a cada seis meses, pelo governador Wilson Martins e que a última reunião foi feita no final do ano passado. "Uma grande preocupação do Estado é levar formação para mão de obra que irá trabalhar na fábrica. Já foi solicitada a instalação de curso no Piauí e Bahia e a instalação de uma Escola Federal naquela região. O Senai também irá participar na formação de tratoristas já existirá uma grande demanda", afirmou.

A empresa necessita de uma área de 150 mil hectares de eucaliptos plantados, onde 70% em áreas próprias da Suzano e os restantes 30% pelo Programa de Fomento Florestal, mantido pela empresa com o objetivo de incentivar a silvicultura e acelerar o desenvolvimento regional. A empresa incentiva o agricultor local a plantar as mudas e se responsabiliza em comprar parte da produção. A empresa quando estiver funcionando irá gerar 7 mil empregos diretos e 15 mil empregos indiretos. Hoje, trabalham no viveiro de mudas mais de 300 pessoas.


Fonte: Governo do Estado do Piauí

 
 
 
Envie para um amigo
» Nome do destinatário » E-mail do destinatário
» Seu nome » Seu E-Mail
» Comentário  
 


·· Palavra da Presidência
 
 
·· Eventos

» Próximos Eventos
 
 
·· Parceiros

 
 
·· REPRESENTAÇÕES

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
twitter
©2015 Apimec