BUSCA
FALE CONOSCO
Apimec NacionalApimec Distrito FederalApimec Minas GeraisApimec NordesteApimec Rio de JaneiroApimec São PauloApimec Sul

 
Brasil pode ser autossuficiente em gás natural em 5 anos, diz ministro
 
« Voltar | Imprimir | Enviar para um amigo |  RSS | Versão em PDF

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmou que o Brasil encontrou reservas de gás natural que podem garantir a autossuficiência em cinco anos, de acordo com declarações citadas pelo jornal "O Globo" neste domingo.


Um estudo da Agência Nacional de Petróleo (ANP) citado pelo jornal afirma que o Brasil tem reservas de gás natural em áreas terrestres suficientes para elevar a oferta em 360% na próxima década. Atualmente, o país importa cerca de 35% do gás natural que consome da Bolívia.


Segundo o relatório, a oferta nacional de gás natural pode saltar dos atuais 65 milhões de metros cúbicos por dia a cerca de 300 milhões de metros cúbicos entre 2025 e 2027.


"O Brasil está pronto para viver a era de ouro do gás natural", afirmou o ministro de Minas e Energia ao ser interrogado sobre o estudo e após prever a autossuficiência em cinco anos.


O estudo da ANP identificou cerca de 28 bacias sedimentares em terra com potencial para a produção de gás natural.


Entre elas, se destaca a Bacia do Paranaíba, onde a companhia petrolífera privada OGX descobriu em 2010 reservas que chegam a 15 trilhões de pés cúbicos de gás natural, e de onde podem ser extraídos cerca de 15 milhões de metros cúbicos diários do combustível, a metade do que hoje é importado da Bolívia.


Segundo a ANP, 96% da área nas bacias com potencial identificado ainda não foram exploradas. A agência está preparando novos leilões para oferecer esses locais em concessão.


A maior parte do gás natural produzido pelo Brasil é extraído junto com o petróleo nas reservas descobertas em águas profundas do oceano Atlântico.


O país consome atualmente 86 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, dos quais 30 milhões são importados da Bolívia.


Segundo as previsões da ANP, por se tratar de um combustível mais econômico e menos poluente, o consumo do gás natural poderá chegar a cerca de 200 milhões de metros cúbicos diários em 2020, quando o país já estará produzindo esse volume.



Fonte: Último Instante

 
 
 
Envie para um amigo
» Nome do destinatário » E-mail do destinatário
» Seu nome » Seu E-Mail
» Comentário  
 


·· Palavra da Presidência
 
 
·· Eventos

» Próximos Eventos
 
 
·· Parceiros

 
 
·· REPRESENTAÇÕES

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
twitter
©2015 Apimec